Vejo você se distanciar de mim
Sem que eu faça nada pra impedir
Sinto que você escapa por entre meus dedos
A cada novo dia você fica mais e mais distante

Uma distância que tento vencer
Mas algo me impede de te alcançar
E te abraçar

Corro ao seu alcance, mas você não está
Mais lá
Me ajoelho e choro
Te perdi mais uma vez

Me levanto e te vejo ao longe
Com o mesmo sorriso que me encantou
Um brilho renasce em mim

A esperança volta a me guiar
E eu volto a correr ao seu alcance
Na esperança de te abraçar novamente

1 comentários:

Emilly disse...

Um diia ... o que tiver que ser será
e aí tudo fará sentido!

Postar um comentário